54º Prêmio World Press de Fotografia

Selecionei algumas fotos do 54º Prêmio World Press de Fotografia, algumas são chocantes (não que algumas aqui também não sejam fortes), quem quiser ver todas dê uma olhada no link ao final do post.

>

1

Antigo mercado de Porto Príncipe, foto de Riccardo Venturi (Itália)

2

Observando a metrópole, foto de Martin Roemers (Holanda)

3

Protesto em Bangcoc, foto de Corentin Fohlen (França)

4

Julian Assange (Wikileaks), foto de Seamus Murphy (Irlanda)

5

Britânico Thomas Daley (trampolim de 3 m), Jogos Olímpicos da Juventude em Singapura, foto de Adam Pretty

6

Lutadoras bolivianas (Carmen Rosa e Yyulia la Pacena), foto de Daniele Tamgni (Itália)

7

Homem carregando tubarão em Mogadíscio (Somália), foto de  Omar Feisal

8

Desfile de Valeria Marini, semana de moda em Milão, foto de Davide Monteleone (Itália)

9

Iêmen, refugiados dormindo no deserto, foto de Ed Ou (Canadá)

10

Tour da Eritreia, foto de Chris Keulen (Holanda)

11

Salto de suicida em Budapeste, foto de Peter Lakatos (Hungria)

>

Coloquei as duas fotos mais fortes para abrir e encerrar este post. Entretanto, reside uma dúvida acerca da última foto, o homem já estava em chamas e por isso pulou? Sendo essa a alternativa não dá para anunciá-lo como suicida, não é? Em outra alternativa, pensando que ele tenha ateado fogo às próprias vestes, o pulo seria para efeito dramático (para a família, amigos, noiva etc.), desespero motivado pela dor ou para ter a certeza absoluta e irrefutável de que não sobreviveria? Não é sarcasmo não, mas fiquei com a dúvida.

>

Créditos das imagens acima e link para ver todas as fotos: http://goo.gl/aefmz

>

Primeiro Ah. Ah, em relação a “Megamind”, não apontarei a animação como decepcionante, embora tenha um tanto ficado frustrada. Quando aprenderei a relaxar com a coisa da expectativa? Alguns filmes têm um trailer muito superior ao filme em si (caso de Megamente), mas ficou aquela sensação: vilão por vilão que depois se torna herói fico com “Meu malvado favorito” (Despicable me).

>

Segundo Ah. Ah, hoje assisti o mais do que sofrível “As viagens de Gulliver”. É tudo ruim: os diálogos, a performance de Jack Black fazendo o mais do mesmo (tá na hora de se reinventar, meu filho!) e, principalmente, os efeitos especiais. Sabem as viagens espaciais do Chapolim Colorado? Pois é, algo desse naipe. Quer ver uma releitura deliciosa de Gulliver? Vá até a livraria mais próxima e compre o fantástico Gullivera, do sempre genial Milo Manara (+/- R$ 30,00). Ah, outra coisa em relação ao Jack Black, gosto dele pacas, mas acho que para fazer filme tosco desse jeito é melhor voltar as atenções pro Tenacious D.

>

>

Rezaram pro Dio enquanto assistiam Kickapoo? Eu rezei do jeito rock n’ roll! Air guitar rules baby!

>

obs – como não tenho uma categoria para fotografias, decidi deixar este post no “entre estantes”, afinal os premiados provavelmente serão publicados em livro. não criei uma categoria porque apenas gosto de fotos (não dá para ser mais amadora do que eu neste quesito). não tenho como comentar sobre a luz, sombra e muito menos fazer qualquer menção a possíveis referências… não que eu seja uma expert nas outras coisas que posto aqui, mas eu consigo falar sobre qualquer uma delas por meia hora sem parar pra respirar, já fotografia… talvez eu consiga por meio minuto (meu otimismo é imortal, meus caros).

>

snakebites

Sobre eudoras
Eudora continua (tentando) rumar à leste...

One Response to 54º Prêmio World Press de Fotografia

  1. Pingback: Tweets that mention 54º Prêmio World Press de Fotografia « e * u * d * o * r * a * s -- Topsy.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: